igoospel

Presidente do Bota já vibra com volta do G-4: 'É a motivação para atropelar'

Como não poderia deixar de ser, a confirmação da volta do G-4 do Campeonato Brasileiro animou muito os postulantes à vaga na Libertadores de...

Como não poderia deixar de ser, a confirmação da volta do G-4 do Campeonato Brasileiro animou muito os postulantes à vaga na Libertadores de 2011. Presidente do Botafogo, Mauricio Assumpção elogiou o esforço da CBF e lembrou que a competição tem tudo para se acirrar mais na reta final.

- Não só para o Botafogo, mas para o Grêmio, Palmeiras, São Paulo, Atlético-PR e outros, essa notícia é a melhor notícia que se poderia receber. É a motivação para atropelar agora. Vejo como uma vitória do presidente da confederação (Ricardo Teixeira), acima de tudo. Ele me falava, quando estive com a Seleção, que sabia que era possível, mas teria de haver os votos necessários. O sentimento é de esperança - disse Assumpção.

Bem humorado, o dirigente ressaltou que é preciso acabar com a sequência de empates do time, que não vence há nove rodadas, para que a conquista vire vantagem para o Alvinegro.

- Ah, se precisar, nem que o Joel tenha de me escalar para eu empurrar essas bolas para a rede.

Curiosamente, Mauricio Assumpção será julgado no STJD logo mais, por reclamação contra a arbitragem. Ele, porém, não foi à sede do tribunal. O atacante Herrera, expulso diante do Vasco, e o vice de futebol, André Silva, também por críticas ao juiz, por sua vez, estão no local. Na hora do início das sessões, a informação sobre o G-4 correu pelo tribunal e, entre conversas paralelas e cumprimentos efusivos, atrasou o começo dos procedimentos.

Entenda o caso

O imbróglio começou quando a Conmebol anunciou, há cerca de um mês, que o país do campeão da Libertadores teria uma vaga a menos na edição seguinte, por conta de o próprio campeão ser o ocupante deste posto. O que estava previamente acordado é que o país do vencedor da Copa Sul-Americana teria uma vaga a menos (dada a este campeão).

Como o Internacional é o atual detentor do título da Libertadores, o Brasil perderia uma de suas vagas, mais especificamente a do quarto colocado do campeonato nacional. Mesmo com a decisão desta segunda, a hipótese de o G-4 voltar a virar G-3 ainda existe. Para isto, basta que algum clube brasileiro seja campeão da Copa Sul-Americana (Palmeiras, Atlético-MG, Goiás e Avaí seguem vivos na disputa).

Se o Brasileirão terminasse hoje, o Atlético-PR, sexto colocado (46 pontos), seria o último classificado tupiniquim para a Libertadores 2011. Isto ocorre porque Santos (quarto) e Internacional (quinto) já têm suas vagas garantidas por serem, respectivamente, campeões da Copa do Brasil e da Libertadores 2010. Os outros três classificados seriam Cruzeiro, Fluminense e Corinthians (no momento, os três primeiros do Brasileirão)./Globo esporte

Relacionados

news 8262767675720191009

Postar um comentário

emo-but-icon

ECONOMIZA PLAY - CUPONS DE DESCONTO, OFERTAS INCRÍVEIS, MILHÕES DE PRODUTOS E OS MENORES PREÇOS.

ECONOMIZA CODE: 36529034

Disponível no Google Play

Curta!

Videos

Profecia de 2013 fala sobre a Pandemia do coronavírus

Receba Notícias no seu email

item