igoospel

Parte de voto religioso começa a abandonar Dilma

Pesquisas para consumo interno da campanha presidencial de José Serra (PSDB) dão como certa a realização de segundo turno. Números de hoje...

Pesquisas para consumo interno da campanha presidencial de José Serra (PSDB) dão como certa a realização de segundo turno.

Números de hoje indicam que o segundo turno já está assegurado em Minas Gerais, Rio e São Paulo, os três maiores colégios eleitorais do país. Dilma caiu nos três, Marina cresceu nos três e Serra em um.

O voto evangélico na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, está migrando em massa de Dilma para Marina - principalmente o voto feminino.

No último domingo, em uma igreja do bairro de São Cristovão, no Rio, o padre aproveitou a missa para projetar o vídeo onde um pastor de Curitiba prega contra candidatos que apóiam o aborto.
No Recife, a Igreja Católica promoveu uma Marcha para Jesus e em Favor da Vida. Durante a marcha foi distribuído um panfleto onde Dilma é acusada de ser favorável ao aborto.

Dilma jamais disse que "nem Jesus" impedirá sua vitória no primeiro turno. Pois bem: alastra-se por toda parte nas últimas horas que foi isso o que ela disse. /Blog do Noblat

Relacionados

religião 1567908296515368327

Postar um comentário

  1. O VOTO EVANGÉLICO

    E AGORA, JOSÉ?
    Após o resultado do 1º turno à disputa presidencial, imediatamente elegeu-se o “aborto” como a grande causa religiosa discordante, passando pela união homoafetiva. No entanto, ninguém tem tocado numa questão vital. Um tema que causa impacto no eleitor evangélico são as questões ligadas à Terra Santa; à nação de Israel. O cristão tem ampla consideração pelas promessas das Escrituras, tais como estas:
    “Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem...” ( Gênesis 12:3)
    “Orai pela paz de Jerusalém! Sejam prósperos os que te amam.” (Salmo 122:6 nas versões protestantes e 121:6 na versão Católica.)
    Sempre houve uma ligação espiritual do cristão com a nação de Israel e, nunca neste país, o Brasil, se fez uma política externa tão maldosa como a atual.
    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recepcionou em território nacional o presidente Mahmoud Ahmadinejad, representante de um regime autoritário, que nega os direitos humanos, protege o terrorismo e expõe uma falsa democracia, que nega um fato histórico, o holocausto, e que se prepara para a produção da bomba atômica; fato que desencadeará um grande conflito no oriente médio. Lula e os próceres da política externa vivem cortejando o Irã e beijando a mão de líderes populistas cujas mãos estão manchadas de sangue inocente. Isto não é bom para o Brasil.
    Lula se meteu como defensor e mediador de um acordo internacional na área da energia atômica e contra as sanções da ONU. Viu-se isolado na votação das nações, alinhando-se somente à Turquia.
    Quando houve o incidente com o navio que levava suprimentos a Gaza e foi invadido por soldados israelenses, de imediato o chanceler Amorim veio a público condenar o incidente.
    Creio firmemente que todos os cristãos, católicos e protestantes, não querem ver o Brasil alinhando-se a países que condenam à morte mulheres indefesas. Não querem um país que dê abrigo a guerrilheiros condenados por assassinatos. Não querem um país como a Venezuela, onde o presidente ampara guerrileiros, censura a imprensa e prende os opositores políticos.
    Eu votei no Lula em seu 1º e 2º mandatos. O Brasil fez avanços na área social e isso é bom. Precisamos de mais justiça social. Isto é bíblico.Porque mudo, então, o meu voto agora?
    Pela simples análise do que efetivamente já ocorreu e do que está em andamento dentro da “Caixa Preta” do PT de Dilma:
    ♦ ABORTO E UNIÃO HOMOAFETIVA - A PLC 122/2006 declara crime quem não aceita estes fatos. A esmagadora maioria discordante é esmagada pela lei desta minoria.
    ♦ POLÍTICA EXTERNA – Seguiremos o mesmo atalho que tem conduzido o Brasil à chacota internacional?
    ♦ PNDH-3 – Se o plano Nacional dos Direitos Humanos 3 é apenas uma “Carta de Intenções”, os brasileiros Têm o direito de rejeitá-la e não permitir que vire lei ou programa de governo.
    ♦ MST – Passará este movimento a existir juridicamente? Como pode um movimento clandestino obter verbas oficiais?
    ♦ MORDAÇA NA IMPRENSA – É um dos passos para o controle total da sociedade.
    ♦ EDUCAÇÃO – O direcionamento estatal vem destilando conceitos e adotando livros questionáveis à formação das mentes infantis.
    Estes e outros pontos como os grandes escândalos de corrupção que vimos e cujo presidente nunca sabia deles, acende em nós o sinal vermelho da correção de rumos. Apesar do desempenho da Economia, do crescimento do poder aquisitivo e do carisma do presidente Lula, o primeiro turno das Eleições foi pedagógico aos próceres do poder. Dilma tem uma longa lista de protagonistas a agradecer e creditar os resultados obtidos. Serra, se vencer, que corrija com atenção estes pontos.
    Que a maturidade política venha à terra de Santa Cruz!
    Rev. Sila Rabello – Igreja do Nazareno
    Pastor e professor de Teologia.
    (019) 3421-8361 8143-2367 e-mail: silmar56@ig.com.br

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta!

Videos

Davi Sacer - Venha o Teu Reino (Clipe Oficial)

item