igoospel

Márcia Lins defende adiamento do jogo. Universidad quer jogar, e Fla espera

 Publicado em 06 de abril 2010 O estrago causado pela chuva no Maracanã tornou incerta a realização do jogo entre Flamengo e Universidad do...

 Publicado em 06 de abril 2010
O estrago causado pela chuva no Maracanã tornou incerta a realização do jogo entre Flamengo e Universidad do Chile, pela Taça Libertadores, marcado para esta quarta-feira, às 21h50. A secretária estadual de Esporte, Turismo e Lazer Márcia Lins disse na tarde desta terça-feira que não aconselha a realização da partida. O Flamengo aceita o adiamento, se assim o governo decidir, enquanto os dirigentes chilenos lutam para que a data seja mantida, lembrando que o time tem jogo marcado para sábado pelo Campeonato Chileno.


O estádio foi atingido pelas fortes chuvas que caíram no Rio nas últimas horas. O gramado, que alagou completamente durante a manhã, estava seco no meio da tarde. Mas os vestiários e túneis de acesso ao gramado seguem completamente submersos, com mais de um metro de água. O trabalho de limpeza deve durar toda a madrugada, mas não há garantia de que tudo estará pronto para o horário do jogo.

- Acredito que seria melhor cancelar. A gente pode conseguir limpar o gramado e os vestiários, mas o entorno do estádio ainda está sendo limpo. Não sabemos se vai voltar a chover forte. O trabalho de limpeza vai continuar nas próximas 24 horas. A orientação hoje era de que as pessoas não saíssem de casa. O jogo não pode ser adiado no dia anterior. Vamos esperar - disse Márcia Lins, secretária estadual de Turismo, Esporte e Lazer .
Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo, concorda com o adiamento da partida.

- Se o cancelamento for decidido pela secretária será prudente e sensato. O fato de não ter calendário para remarcarmos o jogo fica em segundo plano em respeito às pessoas - disse ele.

Por conta dos problemas no Maracanã, o Universidad de Chile não pôde realizar o tradicional treino de reconhecimento. Por isso, decidiu fazer um trabalho físico no hotel em que o time está concentrado, na Avenida Niemeyer, em São Conrado. O gerente geral da equipe chilena, Cristian Auber, confirmou que qualquer mudança na data do jogo será prejudicial para os seus jogadores.

Bem compreensivo com a situação calamitosa que vive o Rio de Janeiro, Cristian explicou que o Universidad de Chile joga pelo Campeonato Nacional às 12h do próximo sábado, contra o Cobreloa. Portanto, se o jogo fosse transferido para quinta-feira, não haveria tempo hábil para seus jogadores se recuperarem.

- O problema de uma mudança é a disponibilidade de datas. Não existem muitas disponíveis. Se o campo de jogo não estiver apto e as autoridades entenderem que não é oportuno jogar, vamos buscar alternativas. O nosso problema é que temos essa necessidade de estar no Chile o mais rápido possível e ir até Calama, no norte do país, para enfrentar o Cobreloa, no sábado. Isso requer uma nova longa viagem. Qualquer mudança é complicada – disse o dirigente chileno ao GLOBOESPORTE.COM, por telefone.

Ele explicou que seus jogadores estão tranqüilos e que a comissão técnica optou por não deixar a concentração para treinar em outro lugar da cidade. Por isso, o time deve realizar apenas um leve trabalho físico na academia do hotel, a partir das 19h.

- Realmente está chovendo muito. Com tanta água, qualquer movimento pela cidade pode ser lento e perdermos ainda mais tempo. É claro que gostaríamos de conhecer o estádio e o campo de jogo. É sempre melhor, ainda mais quando vamos enfrentar um adversário tão reconhecido. Mas os jogadores estão tranquilos, confiantes e com muito ânimo para jogar – disse Cristian Auber.

A confirmação do jogo só deve acontecer na própria quarta-feira, com a chegada do delegado da Conmebol, Guido Chamorro. Carlos Peixoto, representante do Flamengo na confederação, diz que a decisão sobre a realização do jogo não ficará apenas na esfera esportiva.

- A única chance de não ter o jogo é o Governo do Estado não dar condições com a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil... Estamos em contato com eles, mas não tem como pressioná-los por uma posição. Até porque a prioridade deles neste momento é salvar vidas. Vamos aguardar também a chegada do delegado do jogo. Se o jogo não puder ser realizado na quarta-feira, a tendência é que aconteça na quinta-feira mesmo – afirmou Peixoto.
Fonte: Globo esporte

Relacionados

futebol 8276822463061746110

Postar um comentário

emo-but-icon

Curta!

Videos

Davi Sacer - Venha o Teu Reino (Clipe Oficial)

item