igoospel

Preso pastor que aplicava golpe do Green Card em ilegais

 Publicado em 14 de janerio 2010 O ex-líder religioso Enoc Tito Sotelo, 51 anos, pode ser condenado até 70 anos de reclusão, caso seja con...

 Publicado em 14 de janerio 2010

O ex-líder religioso Enoc Tito Sotelo, 51 anos, pode ser condenado até 70 anos de reclusão, caso seja considerado culpado das acusações em New Jersey.
O Promotor Público Theodore J. Romankow, do Condado de Union, divulgou a prisão do ex-pastor do Salvation Army, Enoc Tito Sotelo, 51 anos, em Plainfield (NJ), baseada em 14 acusações de fraude. O incidente aconteceu na última terça-feira, 12 de janeiro.
O ex-líder religioso, natural de Kinston (NC), é acusado de prometer a imigrantes ilegais a obtenção da residência permanente (Green Card) através de um “advogado na Flórida” e receber milhares de dólares referentes à despesa de viagens de ida e volta da Flórida para obter os documentos, disse Romankow.
Entretanto, nenhuma das vítimas recebeu o Green Card, pois elas não qualificavam para o programa “National Interest Waivers”, que permite receber a residência permanente nos EUA, divulgou a Promotoria Pública.
Sotelo disse à suas vítimas que trabalhava em conjunto com um advogado de nome Oscar Ruiz e recebia US$ 4 mil de cada “cliente”. Uma investigação revelou que o ex-pastor dizia aos lesados que US$ 500 de cada pagamento iria para o Salvation Army, fato que a entidade sem fins lucrativos negou, disse Romankow.
A investigação também revelou que Ruiz nunca foi advogado e que foi barrado da Ordem dos Advogados da Flórida (Florida Bar Association) desde 1999, que o proibiu de realizar qualquer trabalho relacionado à imigração para qualquer pessoa.
As fraudes foram descobertas quando um determinado número de vítimas reclamou junto a um grupo de ativistas comunitários latinos, que, então, denunciaram o ex-pastor à polícia. Sotelo coletou dinheiro entre junho e dezembro de 2005. O Departamento de Polícia de Plainfield e a Promotoria Pública do Condado de Union iniciaram uma investigação em abril de 2006, detalhou Romankow.
A Unidade de Detecção de Fraudes do Unites States Citizenship and Immigration Services, um ramificação do Departamento de Imigração (ICE), auxiliou na investigação, além do próprio Salvation Army, disse o promotor público.
O Grande Juri acusou Sotelo mês passado e ele se entregou às autoridades no município de Elizabeth (NJ), na manhã de terça-feira (12). Ele pagou o valor de US$ 2 mil em dinheiro, correspondente a 10% da fiança total de US$ 20 mil para responder o processo em liberdade, entretanto, o ex-pastor teve seu passaporte apreendido pelas autoridades.
O réu está marcado para comparecer perante o Juiz Stuart Peim, da Corte Superior do Condado de Union, no próximo 25 de janeiro, segunda-feira. Caso seja considerado culpado das acusações, ele poderá ser condenado a 70 anos de detenção.
Essas são meras acusações. O réu é considerado inocente até que seja oficialmente considerado culpado junto à Corte.
A investigação continua em andamento e qualquer informação adicional sobre o caso pode ser enviada aos cuidados do Detetive Johnny Ho, através do tel.: (908) 527-4551, ou do Detetive Edwin Maldonado, do Departamento de Polícia de Plainfield, através do tel.: (908) 753-3047.

Fonte: BV

Relacionados

pastor 3589305781691031781

Postar um comentário

emo-but-icon

Curta!

Videos

Davi Sacer - Venha o Teu Reino (Clipe Oficial)

item