igoospel

Polêmica! Caio Fábio diz: "Marcos Feliciano, você brincou com o homem errado... e você sabe disso garoto sonso!"

 Publicado em 02 de dezembro 2009 Realmente eu creio, sem arrogância, que algumas pessoas confiam tanto na minha discrição em relação ao mo...

 Publicado em 02 de dezembro 2009
Realmente eu creio, sem arrogância, que algumas pessoas confiam tanto na minha discrição em relação ao montante do que sei, do que me dizem, do que fico sabendo, etc, que, em razão disso, são capazes de mentir em rede nacional de televisão, na certeza de que eu ouvirei, e, quem sabe, por não ter sido achincalhado, mas apenas feito “vítima digna da visita de um ‘grande homem de Deus’”[de fato um menino] — nada diga ou até ache que fui bem tratado...
Para mim nada tem a ver com ser bem ou maltratado... Já passei dessa faz muito tempo...
Não! O que digo tem apenas a ver com tirar as calças de um moleque e dar umas palmadas nele...

Menino sonso esse Infeliciano!...
De fato, o que o Marcos Feliciano, um jovem cruzadeiro vestido de Elvis da Assembléia de Deus, fez na televisão [...] adveio de ele achar que eu me sentiria honrado em que ele falasse sobre mim como “um ser triste a abandonado”, vivendo num exílio de infelicidade [...]; à contra-gosto... — para, então, logo depois, fazer uma declaração piedosa de que quantos irmãos são sugados e depois abandonados...
Sim, Feliano teve a infelicianidade de mentir sobre um homem que é homem; e que ele não teve ainda a chance de conhecer de verdade...
Mentiu.. Sim, tanto no que já disse no outro texto que hoje escrevi sobre o assunto, como, também, mentiu horrivelmente quanto a ter ficado calado; pois, de cara, o que ele fez foi chorar suas dores por ter sido traído pelo Jabes, que, por influencia do Silas [...], segundo ele, o odeia [...]; e, portanto, obrigou o Jabes, por ciúmes que o Silas tem do Feliciano [segundo ele], a tirar o jovem Elvis de seu culto de poder realizado na “Igreja do Jabes”... [às segundas-feiras, segundo o Feliciano]...
E prosseguiu falando de como o Silas queria pegá-lo de qualquer modo [...], de como havia “comprado uma menina do interior para declarar que tinha um caso com ele”, Feliciano; e de como ele teve que levar um “irmão da Policia” com ele [...] para uma reunião com o Jabes no escritório do Jabes; quando, depois de ser ameaçado e declarado acabado pelo Jabes, o dito irmão da Polícia pediu licença, e mostrou um dossiê contra o Jabes, acerca de muitas coisas; o que teria feito o Jabes ficar pálido e quieto...

Troca de “poder” essa [...] que teria “acalmado” o Jabes contra ele, Infeliciano...

Mas não acalmou ao Silas; que continuava tramando contra ele; embora ele, Feliciano, também tivesse suas cartas nas mangas...
Isso contado com cara de nojo, de repudio, com voz de piedade, etc...
Foi depois disso que falei, dizendo que estar nesse meio é escolher viver o anti-evangelho; e exortei-o a não perder tempo estragando e adoecendo a alma nesse covil de salteadores... E falei muito mais... E em mim ele não viu saudade de nada, mas a veemência dos libertos...
Posteriormente cheguei a dizer à minha mulher que julgava que havia sido muito veemente com ele; pois, de fato, o que vi aqui foi apenas um menino perdido no narcisismo do ministério, amando a glória das multidões mais do que a qualquer coisa; que é vaidoso do cabelo engomado ao sapato brilhoso; que tem prazer em seduzir e em se insinuar; que está longe de ser um homem sério; sendo, no máximo, um aspirante a Malafaia Meloso...
O que essa moçada vai ter que aprender é que com fariseu Jesus usava termos como hipócritas, sepulturas invisíveis, sepulcros caiados, copos lavados por fora e sujos por dentro, sepulturas cheias de corpos putrefatos, etc...

Ora, eu não tenho porque não ser discípulo de Jesus também neste aspecto...

Não sei como o Feliciano não morre de vergonha daquele secretario que anda com ele, que ouve tudo, que sabe de tudo, e, depois, tem que fazer de conta que aquela piedade de Elvis ungido [...] é verdadeira... Coitada da alma desse secretário!... Tornar-se-á cínico ao extremo...
O que o Feliciano levou aqui foi bordoada na cabeça; sem pudor; sem conversa fiada...
E foi ele quem pediu para vir [...].
Havia sido por dois ou três amigos que estão ainda no mercado gospel, e que conhecem muito bem o Feliciano, em coisas muito intimas, que eu ouvira acerca dele; sim, pois eles me falaram antes [...] lamentando o caminho de alma por ele tomado... [ ele nem sonha que seus amigos confiam mais em mim no que nele; daí o que ele me contou eu já estar sabendo ... e muito mais...].
Um tempo depois o secretário dele ligou pedindo um encontro... Lembro inclusive quem deu meu número para ele... E que “intercedeu” para que eu o recebesse...

O Marcos tem que saber que...

Quando ele visitar um homem com a minha liberdade em Jesus, ele, o Infeliciano, tem que ficar calado...
Não! Ele apanhou...; chorou; confessou; sofreu; disse querer o meu caminho de fé; me beijou com a reverencia de um filho; pediu para voltar; se foi...
Depois começo a receber e-mails de gente querendo saber o que o Feliciano tinha vindo fazer aqui...
Eu, de minha parte, nada disse; nem para os Mentores do Caminho que me perguntaram... Era uma visita do moço e ninguém tinha que ter curiosidade... Coisa normal... Recebo muita gente... De Esotéricos ao Infelicano...
Mas não... Como ele estava “inseguro” [havia a ameaça de outras denuncias sexuais aparecerem “por inspiração do Silas”], chegou em casa e tascou foto da visita dele à minha casa... Usou como quis...
Entretanto, quando o “perigo” acabou pela nova associação do Infeliciano na Assembléia de Deus [ele pensa que eu não sei em que mão ele como agora...], então, como o novo patrono não gosta também de mim, e como isso cria muitas perguntas para ele [...], não podendo negar as coisas [...], ele as maquia, as altera de leve, omite tudo, fica “calado apenas ouvindo as dores de uma alma vitimada”, etc...
Quer me visitar [...], me visite; pois, havendo tempo, recebo a todos sem exceção... Mas não tente me usar... Não! Jamais!... Seria uma burrice Infeliciana...
Afinal, ele faz aquela média usando piedosamente o meu nome, como se eu mendigasse os afagos falsos de gente viciada na Máfia e seus códigos de Fraternidade diabólica, julgando assim que eu ficaria calado, honrado por não ter sido chamado de “adúltero”, no mínimo; ou de outras coisas...

Garoto! Acorde!

Vá brincar com o nome de outro...

Amanhã mais gente ponderará o que digo agora [...] do que sobre a sua mentirinha de evangelista contada por você na Rede TV.

E mais, garoto: quando você quiser aparecer para conversar comigo, será “ao vivo” na Vem e Vê TV, pois, assim, todos verão como você chega, fica e sai...

Feliciano: Para você começa aqui o ensino acerca da diferença entre Meninos e Homens!

Em Nome de Quem não mente, e enfrentando aquele que é mentiroso e pai da mentira, e seus filhotes melosos,



Caio
29 de novembro de 2009
Lago Norte
Brasília
DF

www.caofabio.com

Relacionados

polêmicos 1222958129162375986

Postar um comentário

emo-but-icon

Curta!

Videos

Davi Sacer - Venha o Teu Reino (Clipe Oficial)

item